O nascimento de um filho é um grande momento na vida de um casal. Muitas coisas mudam com a chegada de um novo integrante na família, principalmente no que diz respeito ao espaço.

O quartinho do bebê é o cômodo da casa que passa a receber maior atenção, e certamente a decoração do ambiente é um dos assuntos principais.

Afinal, é imprescindível que o pequeno seja recebido e passe os primeiros meses e anos da sua vida no local mais aconchegante possível.

Mas sabe o que mais é preciso considerar para o seu conforto? O colchão do bebê.

Muitas pessoas negligenciam essa parte justamente porque se perdem na quantidade de variedades. Ou não sabem o que é preciso considerar na hora da compra.

Como você costuma escolher o colchão do bebê ideal? Sabe qual é a forma correta de fazê-lo?

Continue a leitura deste artigo e saiba mais sobre o assunto.

Como escolher o colchão do bebê?

Primeiramente, é preciso considerar que a chegada de um filho é novidade para toda a família. Não é possível saber se o bebê terá alguma necessidade própria no que diz respeito ao seu sono.

Porém, o que todos os pais devem saber é que independentemente de qualquer condição e mesmo que a criança não apresente nenhuma específica, seu conforto deve ser prioridade.

Alguns produtos, ainda, são destinados a evitar refluxo, azia, alergias e até mesmo próprios para auxiliar no estímulo à respiração.

E considerando que os pequenos dormem na maior parte do dia nos primeiros meses de vida, o colchão do bebê precisa ser cuidadosamente escolhido. E, mais ainda, porque o sono ainda é bem desregulado nessa fase da vida.

Para ajudar nesse processo, aqui estão fatores que você deve considerar para o colchão do bebê. Veja:

Durabilidade

A gente sabe que os filhos crescem rapidamente e com a mesma velocidade perde-se roupas e sapatos. Com o colchão não seria diferente, até porque em pouco tempo é preciso fazer a troca do berço para a cama.

Mas não é por este motivo que está permitido investir em um colchão de bebê que não ofereça boas garantias e tempo razoável de durabilidade.

Já pensou ter que trocar a peça mais de uma vez por razão de desgaste ou defeito, sendo que esse tipo de produto é feito para durar tempo considerável?

Ortopedia

Como é um ser em fase de crescimento, a superfície onde o mesmo passa a maior parte do dia deve se adequar à sua anatomia.

O colchão do bebê, quando inapropriado, pode fazer surgir problemas na sua estrutura óssea e/ou muscular. E estes só poderão ser percebidos mais tarde, depois de certa idade.

Higiene

Outro ponto de bastante relevância para a escolha do colchão do bebê é a higiene que o mesmo vai proporcionar ao ambiente.

A imunidade nos primeiros meses de vida ainda está em desenvolvimento. Por esta razão, o colchão não pode propiciar o acúmulo de bactérias e poeira, por exemplo.

Além disso, deve apresentar um sistema facilitado de higienização.

Conclusão

Se você está à espera de um filho ou pretende fazer a troca do colchão do bebê para que o mesmo tenha mais saúde e qualidade de vida, atente-se a estes importantes detalhes na hora de finalizar sua compra.

Infelizmente, não é hora de pensar no preço. O colchão do bebê que tem maior qualidade não necessariamente é o mais caro, mas também não será o incrivelmente mais barato.

E se você reparou que seu filho está sempre insatisfeito no momento de ir para o berço, mesmo já estando limpo e alimentado, pode ser que algo esteja incomodando. Quando perceber que o choro é diferente do normal, talvez de dor, é hora de procurar saber se é o colchão que está inadequado.

 

Todos esses aspectos precisam ser considerados. Os primeiros meses de vida são bastante agitados em relação ao sono, e toda fragilidade do pequeno precisa ser cuidada com o ambiente mais confortável possível.

Se você gostou deste artigo e deseja saber mais, entre em contato com a nossa equipe. Tire todas as suas dúvidas sobre como escolher o colchão ideal para seu bebê.

Conheça um pouco mais sobre a BV Magazine, Clique aquiMantenha-se sempre bem informado assinando gratuitamente nossa newsletter para receber a atualização de conteúdo.